Excesso de estoque: Compreenda as principais dúvidas dos gestores

O excesso de estoque é um problema que assombra o setor logístico de qualquer negócio, sejam distribuidoras, indústrias, lojas do varejo, etc.

Evitar que esse problema aconteça deve ser um dos objetivos da estratégia de gestão, uma vez que isso gera inúmeros prejuízos e questões de logística.

Por essa razão, todos os segmentos citados acima têm adotado soluções modernas que permitem a gestão com base em dados reais do negócio.

Além disso, essas soluções também contam com inteligência artificial e machine learning para realizar predições de vendas. 

Concorda que isso é muito importante para a gestão de estoque?

Mas por que você precisa ter uma gestão de estoque que leva em consideração o futuro da sua empresa? Veja abaixo a resposta para a maioria das suas dúvidas.

Por que o excesso de estoque é um problema?

Quando um produto está em excesso, significa que ele não tem uma saída proporcional ao seu abastecimento ou produção.

Dessa forma, existe capital na empresa que está imobilizado na forma de bens que não tem escoamento para o mercado naquele momento.

Isso aumenta os custos com estrutura e logística, já que tem muitos itens parados no estoque e eles precisam ser armazenados adequadamente  para que não sejam perdidos.

Alguns dos problemas imediatos são:

  • Perda de produto e matéria-prima;
  • Redução do capital de giro;
  • Aumento de custos com a manutenção do estoque.

Como otimizar o espaço ocupado pelos itens no meu estoque?

Para ter um estoque otimizado o segredo é um só: organização.

Sendo assim, algumas estratégias podem ser colocadas em prática como:

  • Inventários periódicos: é importantíssimo saber todos os produtos presentes no estoque e seu status (validade, quantidade etc.);
  • Planejamento de compras: justamente para saber quando e quanto comprar e para isso que ferramentas inteligentes como o James Tip existem;
  • Controle o estoque: ter fluxos bem desenhados para definir quando e como os produtos ou insumos são utilizados ajudam a saber quando tudo está em ordem.

Ter muitos fornecedores pode ser um problema?

Contar com muitos fornecedores pode ser uma boa estratégia da empresa, pois é possível negociar melhor e barganhar por melhores preços.

Ao mesmo tempo que o fornecedor pode não ter um bom controle sobre sua demanda, vindo a deixar você na mão.

Ao mesmo tempo, isso significa que o fornecedor também tem outros clientes e pode te deixar na mão.

Essa é sempre uma questão de desenvolvimento de relações e confiança com o passar do tempo. 

Com isso, é importante levar em consideração o desenvolvimento de relações e confiança com seus fornecedores.

Como uma gestão de estoque bem-feita aumenta os rendimentos operacionais?

Você acredita que existe vantagem em comprar somente o necessário para a operação da sua empresa em um determinado período? Ou ter em excesso de estoque ajuda a se programar melhor?

Adivinhar quanto a empresa venderá é algo do passado. Hoje, existem ferramentas que contam com inteligência artificial e machine learning para prever com bastante acurácia o volume de vendas de certo período.

Assim, fazer uma boa gestão de estoque fica muito mais simples, já que se sabe exatamente o quanto comprar. Os resultados são:

  • Maior lucro, já que gastou menos com a manutenção do estoque;
  • Otimização dos recursos da empresa;
  • Redução de problemas devido a sazonalidade de vendas.

Conte com os benefícios de uma  gestão de estoque bem-feita!

Entre em contato agora com o James Tip e descubra como a inteligência artificial faz isso pela sua empresa.

Saiba mais sobre a previsão de vendas do James Tip nesses artigos relacionados:

● Porque ter uma ferramenta de previsão de vendas na sua indústria

● Como o James Tip é a solução para diminuir rupturas na sua distribuidora

Deixe um comentário